Saudades Carmelitanas. Carmo do Bagagem, você conhece? Já ouviu falar?

1840: Início da povoação por garimpeiros

Os primeiros movimentos que deram origem ao povoado tiveram início em 1840.  Moradores das redondezas atraídos pela descobertas de garimpos diamantíferos em Bagagem (Estrela do Sul) e depois em Nossa Senhora D’Abadia de Água Suja (Romaria), migraram para Monte Castelo.

Por causa do ambiente dos garimpos, pouco recomendado à famílias e ainda, devido ao clima saudável e excelente água dessa região, estes pioneiros, deixavam aqui suas famílias e se dirigiam para os garimpos à cata de diamantes. Assim formou-se o povoado.
A escolha da localidade se deu quando os bandeirantes estavam desbravando a região e como aqui é longe da costa onde havia gente, ou seja, mercado consumidor e fácil exportação, eles então estavam procurando alguma mercadoria que poderiam explorar e carregar facilmente para vender ou trocar.

Na época a região de Estrela do Sul, era conhecida pelo Rio Bagagem, onde as lavadeiras da região achavam diamantes na “flor d’água” e os bandeirantes como bons exploradores que eram, chegavam na região e conversavam com os moradores e esta história foi contada a eles.

Então começaram a exploração onde já era o município de Bagagem (hoje Estrela Do Sul). Após o começo da exploração de diamantes o povoado cresceu rapidamente e conseqüentemente desorganizado e cheio de aventureiros e pessoas sem boa índole.

Os bandeirantes queriam encontrar um lugar um pouco afastado de Bagagem onde eles poderiam trazer suas famílias e então chegando na região onde hoje é Monte Carmelo, viram dois córregos (Mumbuca e Olaria) que possuíam boa quantidade e qualidade de água. Então as famílias foram povoando a região e passou a se chamar Carmo do Bagagem, um distrito ligado a Bagagem, todas as decisões e a administração do povoado estava subordinado a Bagagem.

O nome veio quando uma comitiva de carmelitas chegou na região e o povo queria mudar o nome da cidade que já não mais pertencia a Bagagem, mas por outro lado, não queriam que mudasse muito e estas carmelitas identificaram um morro (hoje conhecido como Igrejinha) que parecia com um morro de Israel chamado de Monte Carmel (carmel em árabe significa uvas de Deus).

A padroeira da cidade é Nossa Senhora do Carmo e a paróquia foi erguida em 1870.
fonte bibliográfica: http://pt.wikipedia.org/wiki/Monte_Carmelo_(Minas_Gerais)

Então essa é uma parte da história de Monte Carmelo.

A outra…
Em Dezembro de 2012 estive em férias, na casa do seu Osmar e a dona Lenita, pais da Fabiana Ribeiro que é esposa do Fernando, meu irmão.
Lá conheci pessoas especiais as quais me fizeram sentir como se estivesse em casa. Dona Fiita e suas irmãs, a família do seu Osmar entre outros.

E em visita à residência da dona Orlandina Pereira Mateus, viúva do Sr João Mateus Sobrinho. Conheci o que mais me prende atenção num lugar peculiar como Monte Carmelo: peças antigas e não mais fabricadas. lá achei cerâmica japonesa antiga, peças de cutelaria e selaria antigas entre outras, vejam a seguir:

     Já adiante visitei a cas do Sr Eurípedes Fernandez e a Srª Wilma Maria onde a convite deles fotografei essas raridades Carmelitanas abaixo:

20121231_202316 20121230_203246 20121230_203159 20121230_202730 20121230_202523 20121230_202304 20121230_202033 20121230_201905 20121230_201150 20121230_200811 20121230_200759 20121230_195513 20121230_194112

E na casa da Dona Fiita, achei mais alguns ítens bem legais. Você já ouviu falar em pingadeira? Não?!? Nem eu….

E tem mais as igrejas…

     É isso ai pessoal, agradeço aqui aos amigos que fiz em Monte Carmelo e me desculpo se esqueci alguém. E espero que vocês tenham curtido um pouquinho daquilo que senti por aquelas bandas.

Tenham um ótima semana;

Christiano.

Anúncios
Publicado em Imóvel na Planta | Marcado com , , , , , , , , , , , | 1 Comentário

Indústria do Alcool e do Açúcar – História do Sindalcool-MT – Entrevista com João Nicolau Petroni

| Marcado com , , , , | Deixe um comentário

Você conhece Maquiavel?

Nicolau Maquiavel

BAIXE O LIVRO O PRINCIPE DE MAQUIAVEL 

http://www.4shared.com/zip/1ZBJ84Yn/Nicolau_Maquiavel_-_O_Principe.html

Nicolau Maquiavel foi um historiador, poeta, diplomata e músico italiano do Renascimento.É reconhecido como fundador do pensamento e da ciência política moderna, pelo fato de haver escrito sobre

Nascimento: 3 de maio de 1469, Florença
Falecimento: 21 de junho de 1527, Florença
Cônjuge: Marietta Corsini (de 1502 a 1527)
Filiação: Bernardo di Nicolo Machiavelli, Bartolommea di Stefano Nelli
Filhos: Lodovico Machiavelli, Totto Machiavelli, Piero Machiavelli,…

Veja mais em: http://pt.wikipedia.org/wiki/Nicolau_Maquiavel

| Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Harley Davidson um sonho diferente…

O Brasil sempre nos surpreende pela sua população e a criatividade na hora de superar suas dificuldades.
Em passeio por Minas Gerais,  descobri mais um artista do povo.
Criando motocicletas à partir de latinha de refrigerante, ele realiza um sonho que muitos de nós tivemos na infância, o de criar sua própria diversão. Feliz 2013.

wpid-20121227_142145.jpg

| Marcado com , , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Plaenge assina Pacto Global das Nações Unidas

Fonte: Jornal Digital Plaenge – Por: Bruna Damasceno

     No dia 30 de outubro, o Grupo Plaenge assinou o Pacto Global, iniciativa desenvolvida pela ONU para mobilizar empresas no mundo todo a adotar práticas e valores que respeitam os direitos humanos, as relações de trabalho, o meio ambiente e o combate à corrupção.

     A cerimônia de adesão foi realizada em Curitiba, na sede da FIEP (Federação das Indústrias do Paraná), instituição mediadora da iniciativa no Paraná. O documento foi assinado pelo diretor Evaldo Fabian na presença do presidente do Conselho Paranaense de Cidadania (CPC), Victor Barbosa, e da diretora da Rede Brasil de Pacto Global, Yolanda Cerqueira Leite.

     Com a adesão, o Grupo assume compromissos que visam maximizar benefícios e reduzir impactos negativos em suas atividades econômicas. De acordo com Evaldo, desde sua fundação, o Grupo Plaenge pratica ações voltadas para a sustentabilidade do negócio. “No lado prático, pouco muda, porque já adotamos há muito tempo as boas práticas nas relações de trabalho. Os princípios do Pacto Global encontram-se com filosofia aplicada no dia a dia de nosso trabalho”, afirma Evaldo.

     Para reafirmar estas boas práticas na gestão do Grupo, podem ser citados exemplos como a construção da fábrica verde da Coca-Cola em Maringá, a adoção do código de ética há mais de dez anos, a adoção de práticas e políticas de gestão de pessoas, a Escola da Construção, a concepção de projetos com aproveitamento de luz, entre tantos outros.

Pacto Global no Brasil

O documento brasileiro foi redigido em 23 de fevereiro de 2012, após rodadas de contribuições e reuniões, e formalizado no dia 18 de abril de 2012. O Pacto Global foi idealizado pelo ex-secretário-geral da ONU, Kofi Annan, com objetivo de mobilizar a comunidade empresarial mundial.

“Trata-se de uma iniciativa voluntária que procura fornecer diretrizes para o crescimento sustentável e da cidadania. Atualmente são mais de cinco mil empresas signatárias articuladas em 150 redes ao redor do mundo.”

Parabéns à Plaenge e a todas as empresas que se preocupam com nosso futuro nesse país.

Christiano R. Santos.

Publicado em Imóvel na Planta | Marcado com , , , , , , , , , , | Deixe um comentário